domingo, 8 de junho de 2014

Resenha: pincel #17 Blush Brush e blushes minerais Satin Matte Blush e Luminous Shimmer Blush, da Alima Pure

O meu blush em pó predileto é o Luminous Shimmer Blush, na cor Freja, aplicado com o pincel #17 Blush Brush. Ambos são da marca de maquiagem mineral norte-americana Alima Pure. Para chegar a essa escolha, olhei todas as fotos de blushes no site da empresa, pesquisei swatches e resenhas em blogs, tirei dúvidas no chat online de lojas virtuais especializadas em produtos orgânicos e naturais, encomendei amostras de cinco cores, testei, e finalmente comprei os produtos definitivos.

Blushes minerais da Alima Pure, nas cores Honey Rose, Mimosa, Freja, Apple Blossom e Pink
Clique na imagem para ampliar [Foto de Michelle C., Tantas Plantas]

A Alima foi fundada por Kate O’Brien, tendo em mente sua filha adolescente Sara, que estava começando a se interessar por maquiagem em 2004, o mesmo ano em que a mãe de Kate ficou doente e faleceu. Pesquisando os ingredientes dos cosméticos que sua filha queria usar, Kate começou a refletir sobre os pequenos fatores que poderiam ter contribuído para o adoecimento de sua mãe, e decidiu criar uma marca de produtos que fossem seguros para a saúde e ao mesmo tempo atraentes por suas texturas, cores e acabamentos. A Alima tem a certificação para cosméticos naturais BDIH e faz parte da PETA, da Coalition for Consumer Information on Cosmetics, da 1% for the Planet e do Programa Carbono Neutro.

O pincel #17 Blush Brush tem cabo de madeira clara, ferragem de metal num tom amarronzado e cerdas sintéticas. Pega uma quantidade razoável de produto de cada vez e é macio na medida certa. Proporciona uma aplicação precisa e uniforme tanto de blush quanto de pó facial (também é adequado para essa finalidade). Até hoje nenhuma cerda caiu ou desbotou durante as lavagens.

Todos os blushes da Alima são veganos, cruelty-free, não comedogênicos, não contêm corantes artificiais e nem perfumes. São indicados pela empresa para todos os tipos de pele. Por serem maquiagens minerais, são antibacterianos e não necessitam de conservantes. Também não contêm oxicloreto de bismuto (bismuth oxychloride). A lista de ingredientes é sucinta e 100% natural (o termo orgânico não teria como ser empregado aqui, pois maquiagem mineral não é de origem vegetal ou animal, sendo portanto inorgânica por definição):
Mica / mica (CI 77019), may contain / pode conter [+/-]: iron oxides / óxidos de ferro (CI 77491, CI 77492, CI 77499), titanium dioxide / dióxido de titânio (CI 77891).

Blushes minerais da Alima Pure, nas cores Honey Rose, Mimosa, Freja, Apple Blossom e Pink
Clique na imagem para ampliar [Foto de Michelle C., Tantas Plantas]

Das cinco amostras adquiridas, quatro são de blush mate (Satin Matte Blush) e uma é de blush cintilante (Luminous Shimmer Blush). As cores são fiéis às descrições do site, copiei abaixo e acrescentei traduções literais. Na foto com os swatches, o meu braço está apoiado no parapeito de uma janela.
  • Honey Rose (Rosa Mel) / Satin Matte Blush (Blush Mate Acetinado): warm medium peachy rose (rosa-pêssego médio, quente).
  • Mimosa (Mimosa) / Satin Matte Blush (Blush Mate Acetinado): soft peachy rose (rosa-pêssego suave).
  • Freja (Freja) / Luminous Shimmer Blush (Blush Cintilante Luminoso): peachy apricot with very subtle shimmer (damasco-pêssego com brilho muito sutil).
  • Apple Blossom (Flor de Maçã) / Satin Matte Blush (Blush Mate Acetinado): cool petal pink (rosa-pétala frio).
  • Pink (Rosa) / Satin Matte Blush (Blush Mate Acetinado): soft neutral pink (rosa suave, neutro).
Com exceção de Apple Blossom, que é uma tonalidade fria, todas essas opções são quentes de algum modo. Mimosa e Apple Blossom são cores extremamente claras, que quase desaparecem na minha pele, a não ser que eu use várias camadas sobrepostas. Acho que funcionariam apenas em pessoas superpálidas. Freja me dá uma aparência saudável e corada, e as partículas cintilantes são minúsculas, discretas. Pink é uma cor um tanto mais fria, mas não totalmente. E Honey Rose é um tom muito bonito, mas ficou escuro demais no meu rosto. Existem opções bem mais escuras. Freja, Pink e Honey Rose são bastante pigmentados, fazem efeito com pouco produto.

Esses blushes são pós finíssimos que deslizam facilmente; a aplicação é descomplicada, ainda mais com esse pincel. Mesmo depois de seis ou sete horas de uso consigo ver cor no meu rosto. Não experimentei por um período mais prolongado. Adoro a combinação de Freja e a base Atmosphere Luminous Foundation, da Vapour, na cor 120.

O pincel #17 Blush Brush custa US$24,00 e tem 13,5cm de comprimento. O Luminous Shimmer Blush e o Satin Matte Blush vêm em potes de 5g, com 5cm de diâmetro e 2,3cm de altura, e custam US$20,00 cada. O pote é de acrílico transparente, com tampa marrom nacarada, enfeitada com um passarinho em baixo-relevo. Possui sifter, aquela peneirinha acoplada que fica entre a tampa externa e o pó solto. E é vendido dentro de uma caixa linda de papel reciclado, cheia de detalhes delicados. O texto “Resenha: sombras minerais Satin Matte Eyeshadow, da Alima Pure” mostra uma foto das embalagens das sombras; as dos blushes seguem o mesmo estilo, mas são maiores.

Já as amostras chegam em potinhos menores, de 2,7cm de diâmetro, com uma quantidade bem pequena, e custam US$1,75 no site da Alima. Como os blushes rendem muito, o pouco que vem de amostra basta para vários testes. O passarinho impresso na tampa dá um charme especial. Esses potinhos são ótimos para reutilizar em viagens curtas, têm o tamanho ideal para guardar hidratante facial, por exemplo.

Comprei as amostras, o blush em tamanho normal e o pincel nas lojas virtuais estrangeiras I Am Natural StoreSpirit Beauty Lounge, que não trabalham com todos os itens da marca, mas têm a vantagem de oferecer uma boa variedade de produtos de outros fabricantes. Já a loja online da própria Alima tem como principais pontos positivos o frete mais em conta, o acesso às suas linhas completas (incluindo coleções sazonais e promoções) e um sistema de devolução com reembolso caso a cliente não tenha ficado satisfeita com alguma aquisição.

O blog Lookaholic tem uma resenha sobre o Satin Matte Blush na cor Pink: “Satin Matte Blush (cor Pink), Alima Pure”.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

LEIA TAMBÉM:

“Resenha: protetores labiais coloridos Nourishing Lipbalm, da Alima Pure”
“Resenha: sombras minerais Satin Matte Eyeshadow, da Alima Pure”
“Resenha e swatches: batons, blushes, sombras e iluminadores da RMS Beauty”
“Resenha, loja virtual e promoção: base e corretivo da Vapour Organic Beauty”

3 comentários:

Valéria Soares disse...

Michele, diz alguns detalhes sobre o corretivo da vapour organic. Pra começo de conversa: você tem mesmo olheiras? Porque eu tenho e bem escuras(amarronzadas)! Você acha que serviria pra mim? Tem uma boa cobertura e durabilidade? A textura é natural? Essas coisas....
Agradeço desde já.

Michelle C. disse...

Valéria Soares, eu só fico com olheiras quando durmo pouco. Não tenho olheiras permanentes e nem muito escuras... Acho a cobertura desse corretivo boa, o produto dura bastante na minha pele e fica com aspecto bem natural. Dá para sobrepor várias camadas. Uma coisa interessante seria você experimentar amostras, inclusive pela questão da tonalidade. A loja Spirit Beauty Lounge vende amostras desse produto e de muitos outros, esse post tem mais detalhes: “Loja virtual: Spirit Beauty Lounge” / http://tantasplantas.blogspot.com.br/2011/07/loja-virtual-spirit-beauty-lounge.html.

Valéria Soares disse...

Ok! Muito obrigada, Michelle!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...